Projeto de democratização do acesso ao cinema brasileiro

Últimas Notícias
Você está aqui: Capa / aconteceu no CineB / Cine B faz sessão em igreja do Jardim Fontalis

Cine B faz sessão em igreja do Jardim Fontalis

IMG-20150629-WA0002

Texto e fotos por Carlos Rizzo

Igreja Natividade do Senhor, no Jardim Fontalis, na Zona Norte, abriu as portas para uma sessão de cinema no dia 27 de junho. O público acompanhou as aventuras das ararinhas azuis na animação Rio 2 

Foi a segunda vez nos oito anos de história do Cine B que uma sessão de cinema aconteceu dentro de uma igreja. Quem abriu as portas e possibilitou esse momento de confraternização dos fiéis com o cinema brasileiro, no último sábado, 27 de junho, foi a Paróquia Natividade do Senhor, que fica no Jardim Fontalis, na Zona Norte de São Paulo, uma das regiões mais carentes da cidade, e local de muitas lutas dos movimentos populares. Na programação, a animação Rio 2, produção com roteiro e direção do brasileiro Carlos Saldanha que conta a história das ararinhas azuis Blu, Jade e seus filhos numa aventura pela Floresta Amazônica.

Moradores do Jardim Fontalis acompanharam uma sessão na igreja Natividade do Senhor

A sessão de Rio 2 integra a programação especial da 16ª edição do Cinema Petrobras em Movimento, iniciativa que difunde e exibe filmes de longa-metragem da recente produção nacional por todo o país. A parceria com o Cine B, possibilitou levar o filme a várias sessões durante o mês de junho. Antes do filme também foi exibido o curta-metragem Pajerama, sobre a caçada de um índio em meio a acontecimentos estranhos na floresta. A animação tem roteiro e direção de Leonardo Cadaval

Em cartaz a história do casal de ararinhas azuis

Muitas famílias presentes

Para o padre argentino Andrés Marengo, que está há 15 anos à frente da paróquia, a atividade é um momento de encontro da comunidade para fazer algo diferente. “É uma grande oportunidade para nós a parceria com o Cine B, que possibilita trazer cultura para dentro da igreja. É uma forma de valorizar o bairro que é tão carente”, avalia.

Olha a fila! Todos esperando a pipoca, gratuita, do Seu Antonio

Cidálio Vieira Santos, coordenador do Cine B, distribuindo brindes antes do filme começar

Segundo Maria Madalena Figueiredo, coordenadora da pastoral da saúde e uma das lideranças da comunidade, a paróquia é uma grande referência na região e as pastorais são muito fortes, atuando nas áreas social, de saúde, educação, criança, idoso e mulheres entre outras. “Um dos nossos maiores problemas, hoje, é a documentação dos imóveis. Existem cerca de 30 loteamentos que estão em fase de regularização fundiária e a comunidade conta com apoio da igreja nessas ações”, conta.

Cidálio, coordenador do Cine B, padre Andrés e Madalena da pastoral da saúde na abertura da sessão

A secretária do padre e catequista Loreni da Silva Santos, que dá aulas de evangelização para cerca de 500 pessoas, lembra que a região é muito carente de atividades culturais. “Não tem nada, por isso o cinema na igreja causou uma grande repercussão. A gente tinha uma igreja pequena, agora é um templo grande, que possibilita trazer muitas novidades para cá”, comenta. De fato, a igreja chama a atenção pelas suas dimensões e pelo fato de ter sido construída em menos de cinco anos, “com a ajuda de toda a comunidade do Jardim Fontalis”, explica Madalena.

Igreja comportou tranquilamente as cerca de 200 pessoas que compareceram à sessão

Dois jornais da região nos ajudaram a divulgar sobre a sessão. Foram eles a Gazeta da Zona Norte e o SPNorte. Confira umas das matérias por aqui. Além dessas publicações, tivemos a presença do Jornal São Paulo, importante periódico da igreja católica. A matéria especial sobre nossa sessão sairá em breve!

Joana Maristela, 44 anos, moradora da região há mais de 20 anos, estava satisfeita por assistir a uma sessão com o marido e os filhos. Ela conta que a única vez que foi ao cinema não pode entrar “porque já não havia ingressos no Center Norte”. Jirlaine de Oliveira Santos, 26 anos, moradora do bairro há 6 anos, acompanhada das filhas Kauanny, 8 anos e Mikaelly, 6 anos, lembra que sempre “deixou para depois ir a uma sessão de cinema. Mas hoje eu vim e gostei muito do filme, foi uma boa oportunidade, um encontro bonito. Poderia acontecer mais vezes” destaca.

Jirlaine com as filhas Kauanny e Mikaelly: “Poderia acontecer mais vezes”

O ex-bancário e atual educador Flávio Pires, ao lado das filhas, levou um brinde para casa

Grupo de jovens da igreja marcaram presença na sessão

Até a próxima sessão!

CLIQUE AQUI PARA VER MAIS FOTOS DA SESSÃO

O CINEB é um circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e pela Brazucah Produções. Desde 2007, o já atingiu um público superior a 40 mil espectadores em mais de 350 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Já foram exibidos na tela do CINEB mais de 75 longas-metragens e 50 curtas-metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas. Conta com o apoio de mídia da edição brasileira do Le Monde Diplomatique.

Sobre admin

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>