Cine B retorna em projeto de habitação do Butantã

Fotos por Carla Lima e Carlos Rizzo

Texto por Carlos Rizzo

O Cine B retornou no último sábado, 18/7, ao Condomínio Franca, no Butantã, Zona Oeste de São Paulo, para apresentar o filme Tainá – A Origem.

Moradores puderam acompanhar uma sessão do Cine B pela segunda vez em um ano

O Condomínio Franca, resultado da organização do movimento de moradia da Zona Oeste, contou, pela segunda vez, com uma sessão do Cine B no último sábado, dia 18 de julho, quase um ano depois da primeira sessão. O espaço existe há pouco mais de um ano, mas é resultado de 15 anos de luta dos moradores. Dessa vez, o público presente acompanhou as aventuras de Taína – A Origem, filme de 2014 dirigido por Rosane Svartman, que conta a história de uma indiazinha que enfrenta vilões para salvar uma árvore sagrada, na Floresta Amazônica. Antes do filme foi projetado o curta-metragem Pajerama, sobre a caçada de um índio em meio a acontecimentos estranhos na floresta. A animação tem roteiro e direção de Leonardo Cadaval.

Tainá – A Origem fez sua estreia no Cine B no último sábado no Butantã
Não podia deixar de faltar a pipoca do Seu Antonio
O Condomínio possui 240 apartamentos divididos em 12 torres e foi construído por meio do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. Segundo Vanda Maria Dias da Silva, que coordenou por muitos anos a luta por moradia, “é muito bom contar com a parceria do Sindicato dos Bancários para poder oferecer mais uma vez a sessão de cinema para a comunidade”, comemora. Maria do Rosário de Jesus e Silva, mais conhecida como a síndica Rose, estava orgulhosa com a possibilidade de ter cinema dentro do condomínio. “É maravilhoso receber o projeto em casa. A gente não precisa de mais nada”, confessa.
Subsíndico e presidente do Conselho de Moradores, José Eliomar do Carmo, o coordenador do Cine B, Cidálio Vieira Santos e a síndica Rose
Anderson de Paula Higuchi esteve pela primeira vez numa sessão de cinema, acompanhado das filhas Bruna e Julia.

A sessão aconteceu na área de convivência que forma uma espécie de arena onde foi possível acomodar cerca de 150 pessoas, que acompanharam o filme do início ao fim. Muitos moradores já tinham participado da sessão anterior. Era o caso de Glícia Verônica Pereira Barros, para quem a sessão de cinema é uma grande diversão, “já que na região não há espaços de cultura para frequentar”. Ela estava acompanhada de Jocimar Ferreira, e das sobrinhas Juliana Ferreira e de Paloma Barros.

Depois de conquistar o direito à moradia, chegou a vez do direito à cultura para os moradores do Condomínio Franca (créditos: Carla Lima)
Olhos atentos no filme! (créditos: Carla Lima)
As ganhadoras do sorteio de produtos de beleza orgânicos da Surya
As crianças foram sorteadas e ganharam camisetas do projeto
Até a próxima sessão! (créditos: Carla Lima)

CLIQUE AQUI PARA VER MAIS FOTOS

O CINEB é um circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e pela Brazucah Produções. Desde 2007, o já atingiu um público superior a 40 mil espectadores em mais de 350 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Já foram exibidos na tela do CINEB mais de 75 longas-metragens e 50 curtas-metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas. Conta com o apoio de mídia da edição brasileira do Le Monde Diplomatique.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *