Projeto de democratização do acesso ao cinema brasileiro

Últimas Notícias
Você está aqui: Capa / aconteceu no CineB / Parelheiros recebe CINEB

Parelheiros recebe CINEB

DSC_0691

Mesmo com frio batendo na casa de um dígito, CINEB esteve na última sexta-feira, (10/6) na EE Dona Prisciliana Duarte, em Parelheiros, Zona Sul de São Paulo, exibindo o filme Tudo que Aprendemos Juntos.

A madrugada da última sexta-feira (10/6) foi considerada a mais fria do ano em São Paulo. A região de Parelheiros chegou a marcar dois graus. Pois nessa mesmo dia, O CINEB esteve em Parelheiros para mais uma exibição do filme Tudo que Aprendemos Juntos, de Sérgio Machado. Foi um teste para o projeto, que este ano já exibiu sessões em espaços abertos como pátios de escolas, quadras esportivas e áreas livre nas comunidades por onde passa. Na Escola Estadual Dona Prisciliana Duarte, que fica na região central de Parelheiros, Zona Sul de São Paulo, a sessão foi montada no pátio interno da escola, que atende cerca de 1.500 alunos de ensino médio e educação de jovens e adultos.

Nem o frio de Parelheiros atrapalhou quem foi à sessão

Cerca de 80 pessoas entre alunos, corpo docente e comunidade compareceram à sessão, mesmo com a temperatura registrando cerca de 10 graus segundo os serviços online de previsão do tempo. O filme Tudo que Aprendemos Juntos de Sérgio Machado, conta a história de Laerte, um talentoso violinista que se vê obrigado a dar aulas de música na comunidade Heliópolis depois da tentativa fracassada de ingressar na Osesp.

Alunos integrantes do Grêmio Estudantil Poder Jovem colaboraram com a montagem da sessão.

Tem como ponto de partida a peça Acorda Brasil, escrita por Antonio Ermínio de Moraes sobre a experiência do Instituto Bacarelli na comunidade Heliópolis, em São Paulo. Sua estreia nacional aconteceu em dezembro do ano passado, já passou pelo circuito comercial e segue uma carreira internacional com os direitos vendidos para ser exibido em 22 países.

Willian Prado, do movimento de saúde da região, Marcelo Caetano, professor coordenador e Cidálio Vieira Santos, coordenador do CINEB na abertura da sessão.

Wilian Prado, ex-aluno da escola e ativista do movimento de saúde já conhecia o CINEB e procurou Cidálio Vieira Santos para marcar uma sessão em Parelheiros, o maior bairro da cidade, com 350 Km². “Mesmo com o frio e com as manifestações marcadas para o dia de hoje, temos muitas pessoas aqui. O CINEB é um projeto muito importante porque valoriza o cinema brasileiro”, avalia.

Professores da EE Dona Prisciliana Duarte.

Para a diretora da escola, Viviane Vieira da Silva, a região é carente de atividades culturais, como a que o CINEB proporciona. “Aqui tem pessoas de longe, bastante afastada. É uma oportunidade, principalmente aquelas famílias numerosas e que não tem condições de ir a um cinema comercial”, explica. Maria Alves Marcos, ex-aluna do EJA estava em uma sessão de cinema pela primeira vez. Ela conta que ficou sabendo da programação pelas amigas que ainda estudam na escola. “Terminei o ensino médio ano passado, mas sempre venho nas atividades da escola. Achei ótimo, valeu a pena vir. O filme é uma aprendizagem de vida” elogia.

Maria Alves Marcos numa sessão de cinema pela primeira vez

Quem também aprovou a sessão foram os moradores da Casa de Acolhida Fraternidade São Francisco, que trabalha com população de rua usuária de drogas. José Aldo Andrade conta que está há quase um ano no espaço depois de frenquentar por muito tempo a cracolândia. Sem família em São Paulo, ele conta que a casa de acolhida lhe trouxe a esperança de viver. “Foi maravilhoso”, comentou após a sessão. E continuou: “Sempre acompanho as atividades culturais daqui da região. Lá na casa de acolhida por exemplo temos uma sessão de cinema a cada 15 dias e eu não perco uma”, confessa.

Até a próxima sessão!

O CINEB é um circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e pela Brazucah Produções. Desde 2007, o já atingiu um público superior a 50 mil espectadores em quase 400 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Já foram exibidos na tela do CINEB mais de 75 longas-metragens e 50 curtas-metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas.

Sobre admin

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>