Projeto de democratização do acesso ao cinema brasileiro

Últimas Notícias
Você está aqui: Capa / aconteceu no CineB / Apart Horta exibido em Cajamar

Apart Horta exibido em Cajamar

DSC_0496

CINEB foi, na última sexta-feira, 22 de julho, pela primeira vez a Cajamar. Exibiu Apart Horta, filme de Cecília Engels – que trata da agricultura urbana – para moradores do Jardim Paraíso que mantém o hábito de plantar verduras e legumes para o consumo próprio.

O filme Apart Horta, que aborda a agricultura urbana nos grades centros, não teria lugar melhor para começar a ser exibido no CINEB. Boa parte dos moradores do Jardim Paraíso, na cidade de Cajamar, divisa com o bairro Perus, Zona Norte de São Paulo, que lotaram o salão de festas transformado numa sala de cinema do Projeto CINEB, na última sexta-feira, 22 de julho, mantém algum tipo de horta em casa.

Primeira vez que o CINEB vai a Cajamar, na Grande São Paulo.

Apart Horta é escrito e dirigido por Cecília Engels, jovem cinesta paulista. Conta a história da baiana Nazaré que vai a São Paulo pela primeira vez para visitar seu irmão Natanael, que tem um estilo de vida voltado ao trabalho. Nazaré vive uma relação saudável com as pessoas, a natureza e a alimentação. Aos poucos trazendo seu axé e cultivando alimentos no apartamento, Nazaré germina a transformação no ambiente da vida de Natanael e do prédio em que ele vive. O filme é entrecortado com quatro mini-documentários de personagens reais que realizam experiências de cultivo de alimentos na cidade de São Paulo.

Não poderia faltar a pipoca de Seu Antonio.

Cajamar, com 70 mil habitantes, fica a cerca de 45 Km de São Paulo, às margens da Rodovia Anhanguera. Integra os municípios da região norte da Grande São Paulo. O CINEB chegou a Cajamar pela primeira vez por meio de Valdeir do Carmo Ramos Pereira, morador do Morro da Mandioca. Pereira assistiu pela primeira vez uma sessão do CINEB em outubro do ano passado, quando o projeto esteve no Morro Doce, na região do Parque Anhanguera, Zona Norte de São Paulo. “Eu recebi um convite e fui à sessão. Achei a ideia muito boa e queria trazer para a minha cidade, porque aqui não tem nenhuma atividade cultural para as famílias”, explica.

Abertura oficial da sessão com Luiz Flávio Pereira, Cidálio Vieira Santos, Valdeir do Carmo, Raimundo Nonato

Pereira e Rosemeire do Carmo Chaves, que estão montando a Associação Sonhos Dourados para lutar por melhorias para o bairro em que moram, procuraram Luiz Flávio Siqueira e Filomena Leal Siqueira, que alugam um espaço para festas. O casal atendeu prontamente o pedido de transformar o espaço em uma sala de cinema. “Na nossa região nunca teve uma atividade assim. Fico feliz em ajudar”, comentou Flávio.

Luciane Fidelis Basto (centro) pela primeira vez numa sessão de cinema, ao lado da sobrinha Carolina e dos filhos Maria Laura e Luiz Henrique.

Cerca de 60 pessoas entre moradores de Cajamar e de Perus acompanharam a sessão e muitos se reconheceram na personagem de Nazaré, apaixonada por plantas. Dona Isabel Martins conta que em seu quintal cultiva couve, alface, chuchu, para ter mais variedade de alimentos em casa. “o filme me inspirou, vou plantar muito mais agora”.  O casal Paulo Rogério e Elisangela Silva vieram da área rural do Espírito Santo e Bahia e ainda trazem o costume da roça. “A gente planta principalmente cheiro verde. Com isso a gente economiza um pouco”, explicaram.  Já Maria Juvenita planta coentro, cebola, couve e dá receita para usá-los. “Coentro é um ótimo tempero de carne. Fica melhor deixando de um dia para o outro. O coentro também fica muito bom no feijão”, sugere. Até Filomena, proprietária do salão, apresentou ao coordenador do projeto CINEB, Cidálio Vieira Santos, sua horta, que fica atrás do salão. Foi uma sessão repleta de troca de receitas e formas de plantar alimentos.

Maria Juvenita: "Coentro é um ótimo tempero de carne. Fica melhor deixando de um dia para o outro."

Também esteve presente na sessão, o banespiano aposentado Raimundo Nonato Dantas de Oliveira. Ele é vereador em primeiro mandato pelo PT de Cajamar e foi dirigente do Sindicato dos Bancários de São Paulo, atuando na região de Osasco.  “Eu conhecia o CINEB só por meio do jornal Folha Bancária. Fico feliz de poder acompanhar uma sessão aqui na minha cidade”, destacou.

Filomena exibe sua horta para o CINEB. Até a próxima sessão!

O CINEB é um circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e pela Brazucah Produções. Desde 2007, o já atingiu um público superior a 50 mil espectadores em quase 400 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Já foram exibidos na tela do CINEB mais de 75 longas-metragens e 50 curtas-metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas.

Sobre admin

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>