Projeto de democratização do acesso ao cinema brasileiro

Últimas Notícias
Você está aqui: Capa / aconteceu no CineB / “Elis” é atração na Regional Osasco

“Elis” é atração na Regional Osasco

DSC_0023

O filme Elis, dirigido por Hugo Prata, estreou no CineB na última quinta-feira, 18/5, na Regional Osasco, e contou com a presença de alunos da EE José Liberatti.


Às vésperas de completar 10 anos do início do projeto – o lançamento aconteceu no dia 21 de maio de 2007, no Café dos Bancários, com a exibição do filme “Tapete Vermelho” – o Cine B esteve na Regional Osasco do Sindicato dos Bancários na última quinta-feira, 18 de maio, para exibir pela primeira vez o filme “Elis” dirigido por Hugo Prata. Antes do longa, foram exibidos os curta-metragens “Animais”, da Oca Animations e “Cores & Botas” de Juliana Vicente.

Cartaz do filme "Elis" na Regional Osasco, que fez a primeira exibição do CineB há 10 anos.

O longa-metragem conta a vida de Elis Regina Carvalho Costa, cantora desde criança, que entra na vida adulta deixando o Rio Grande do Sul para espalhar seu talento pelo Brasil a partir do Rio de Janeiro. Em rápida ascensão, ela logo conquista uma legião de fãs, entre eles o famoso compositor e produtor Ronaldo Bôscoli, com quem acaba se casando. Estrela de TV, polêmica, intensa e briguenta, a “Pimentinha” não tarda a ser reconhecida como a maior voz do Brasil, em carreira marcada por altos e baixos. Andreia Horta em excelente atuação interpreta Elis, além de Gustavo Machado e Caco Ciocler entre outros.

CineB distribuiu edição do Le Monde Diplomatique Brasil para os presentes.

HISTÓRIA – Foi na Regional Osasco que aconteceu a primeira exibição do projeto depois do lançamento, em 2007. Cidálio Vieira Santos, coordenador do CineB, lembra que a sessão aconteceu no dia 27 de junho, e contou com a presença do diretor de “Tapete Vermelho”, Luiz Alberto Pereira. “Depois do filme, exibido no auditório, aconteceu uma festa junina no salão de festas, aqui onde estamos hoje”, recorda.

Estudantes folheiam os livros doados pela ONG Eh Aqui.

Como acontece em todas as sessões realizadas na regional, além de bancários, convidados e um público que mora na região e acompanha o projeto, estavam presentes alunos da Escola Estadual José Liberatti. “Desta vez estamos com os alunos do 3º ano do Ensino Médio”, explicou a professora de português Adriana Baccili. É a quarta vez que ela acompanha uma sessão do CineB. “Gosto muito. Os filmes são sempre bons e a gente pode conversar sobre eles na sala de aula”, comenta.

Os professores Hélio Fernandes Aranha e Adriana Baccili.

Ao final da exibição de “Elis”, o estudante Caio Victor, que também esteve na sessão do ano passado contou que não conhecia a história da cantora apesar de reconhecer muitas das músicas apresentadas. “O que me chamou a atenção é que ela sempre lutou pelo seu sonho, que era cantar”, finalizou.

Messias Henrique, acompanhado da mãe bancária, não perde uma sessão do CineB.

Já Elaine Macedo Gomes é frequentadora do CineB: “estive em várias sessões, nem lembro mais em quantas, mas eu sempre estou aqui na Regional porque eu mora perto.” Ela conta que acompanha a programação pelo Facebook. “Eu gosto muito do projeto, do trabalho que vocês fazem (de valorizar o cinema brasileiro).” Sobre o filme, ela explica que ficou surpresa, porque “mostrou muita coisas da vida dela que a gente não conhece”, aponta.

A fã do CineB, Elaine Macedo (direita), com a irmã Gislaine Macedo (direita) e a amiga Elizabete Mirano

Ao final da sessão, foram distribuídos, para quem lembrasse o nome das músicas interpretadas por Elis Regina, livros doados pela ONG Eh Aqui, uma parceira do Cine B que funciona como uma facilitadora na doação de livros visando democratizar o acesso à cultura. Também foram distribuídos exemplares do jornal Le Monde Diplomatique Brasil e sorteadas camisetas do projeto. A sessão contou com a participação do Coordenador da Regional Osasco, Alexandre Bertazzo, que encerrou as atividades do dia.

Até a próxima sessão!

O CineB é um circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região e pela Brazucah Produções. Desde 2007, o já atingiu um público superior a 56 mil espectadores em mais de 430 sessões gratuitas realizadas em comunidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Foram exibidos na tela do CineB mais de 100 longas-metragens e 69 curtas-metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas.

Sobre admin

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>